26 setembro 2016

CÂNCER - VENCENDO O CÂNCER, TENHA FÉ


Resultado de imagem para reforma interior
Câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado de células, que invadem tecidos e órgãos. Dividindo-se rapidamente, estas células tendem a ser muito agressivas e incontroláveis, determinando a formação de tumores malignos, que podem espalhar-se para outras regiões do corpo.

Alguns tumores são provenientes da toxicidade fluídica que ainda circula no perispírito e que foi acumulada pelos desatinos mentais e emotivos ocorridos nas várias encarnações pretéritas, sendo um processo cármico. As células anormais migram do perispírito e se instalam no organismo físico.

Perispírito é o envoltório fluídico, semi-matéria, que serve de ligação entre o espírito e o corpo. Serve de molde, modelo, esboço e forma para o corpo físico.
Mantemos registros das nossas ações, boas ou más, nossas obras ficam conosco.
Somos herdeiros de nós mesmo.

Outros tumores, surgem aqui e agora devido a certas opções de vida, tais como o fumo, o álcool, descontroles emocionais, desequilíbrios infecciosos, acúmulos de emoções negativas, etc. Nestes casos a causa pode estar nesta existência.

Todos os tipos de Câncer são adquiridos, ou existem casos de origem cármica?

Desde que não se trate de tabagismo, da drogadição, do alcoolismo, ou de determinados vícios de conduta sexual, o câncer é uma provação que trazemos escrita no perispírito e que resgatamos(...)

Algumas tensões mal direcionadas e suportadas por largo período, quando cessam, são substituídas por moléstias de largo porte, na área dos desequilíbrios físicos, dando gênese a cânceres, (...)

QUANDO A DOENÇA SURGE, O QUE FAZER? Pode-se rejeitá-la, pura e simplesmente. Detestá-la sob a pressão da revolta ou aceitá-la com resignação (…)

A Rejeição, em si mesma, de forma alguma altear-lhe o quadro, antes dificulta-lhe a captação da mensagem de que se reveste, trabalhando em favor da sua ampliação, da complicação do problema.

O Enfrentamento rebelde, destrói as reservas de equilíbrio e de força, aumentando a carga de aflição.

Aceitar com resignação, é a melhor conduta, se esforçando para modificar o quadro aflitivo, ter esperança, fé, coragem, sentimentos estes que modificam a vibração mental do Enfermo, e assim sintoniza melhoras energias divinas.

Muitas vezes a Doença é avassaladora, porque faz parte do resgate cármico. O Espírito, ANDRÉ LUIZ nos diz que é a MENTE que rege a formação de anticorpos no sangue. O Paciente, desta forma, pode modificara sua atitude mental, melhorando consequentemente a imunidade do organismo.

Pensamento é força criadora, que cria enzimas, para a renovação das células, e as produções mentais repercutem no organismo.

Diante de quaisquer problemas na área da saúde, a conscientização do paciente quanto ao poder de que dispõe para a auto cura, desde que o deseje sinceramente, é de primacial importância, facultando a visão de um quadro otimista, que lhe propicia a restauração pessoal.

Em pacientes com Câncer, a falta de esperança é um obstáculo sério ao tratamento.
O otimismo, por outro lado, faz tolerar melhor os medicamentos e os efeitos colaterais, observa o Médico Arthur Timmermann, de São Paulo.

Quando o indivíduo, se torna portador de Câncer e a sua conduta mental se altera para pior, em razão dos pensamentos perturbadores e tóxicos, é compreensível que as resistências do Psiquismo celular, sofram derrocada, facilitando a ampliação do campo degenerativo e, por consequência a instalação de metástases irreversíveis.

Porém, a cura real é uma operação profunda de transformação interior (…)

A recuperação temporária pode ocorrer em razão dos esforços empregados pelo terapeuta, da bem direcionada aplicação dos medicamentos e a momentânea mudança de atitude mental do
Paciente.

Todavia, se não houver uma profunda alteração de comportamento interior, desejo sincero de sarar, cultivo íntimo de bem estar, propósitos edificantes, renovação de hábitos mentais, certamente a enfermidade reaparecerá, dando curso ao seu mister de despertá-lo para a sua realidade profunda como SER IMORTAL.

As entidades amigas podem diminuir a Intensidade dador nas doenças incuráveis, Bem como afastá-la completamente, se esse Benefício puder ser levado a efeito no quadro das provas individuais, sob os desígnios sábios e misericordiosos do PLANO SUPERIOR. Os merecimentos. (Questão 102-O consolador)

É sempre útil curar os enfermos, quando haja permissão de ordem superior para isto, contudo, em face de semelhante concessão do Altíssimo, é razoável que o interessado na bênção reconsidere as questões que lhe dizem respeito, compreendendo que raiou para seu espírito um novo dia no caminho redentor.

JESUS ao restabelecer a saúde dos doentes, sempre procurava fazê-los colaborar e acreditar na própria capacidade de se curar. (Foi a tua fé que te curou…)

Toda pessoa tem dentro de si a capacidade de curar o próprio corpo e as emoções ao manter a FÉ e a POSITIVIDADE, ORANDO e VIGIANDO, AMANDO e PERDOANDO.

Textos extraídos das obras de Mensagem do Livro PÃO NOSSO
Chico Xavier -Espírito: Emmanuel, Dias Gloriosos Joanna De Ângelis,
Trilhas da Libertação-Pelo Espírito Manoel P. De Miranda-Divaldo Franco,
                                                                              www.inca.gov.br. Sociedade Espírita de Auxilio Fraternidade

Estamos para servir rbrvallejo@gmail.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário